domingo, 23 de janeiro de 2011

Visite e Acompanhe

No Paraná a farra das aposentadorias de ex-governadores privilegia até quem governou por 10 dias.  Coisa de louco! (veja no blog conexão brasília).

Laerte Teixeira da Costa, conhecido político de São José do Rio Preto lança livro de memórias.  Entre suas lembranças, vários personagens do cenário riopretense. (veja no blog do rui sampaio).

Funcionária da TAM presa após roubar malas no Acre. (veja no blog da amazonia)

Não sei o que houve, mas alguns blogueiros que seguia com carinho e curiosidade estão meio sumidos do mapa... Romildo Santana, o jornalista Viana... onde estão?  (veja em ambos os blogs).

Em Santa Catarina, crianças foram resgatadas em trabalho semi-escravo em plantações de fumo ilegal.  (veja no blog do mst).

Em 22 de janeiro, pertinho do meu dia, nasceu Francis Bacon, uma figura pra lá de interessante. (veja no blog do messias).

Voar, voar... subir, subir...

Eu queria saber quando é que vão tomar uma atitude e quebrar alguns monopólios de empresas aéreas com relação a algumas situações.
De Campinas a Curitiba pagamos uma bagatela.  Mas de qualquer ponto do mundo para Rio Preto ou de Rio Preto para qualquer ponto do mundo, o valor das passagens é insuportável.
Dias atrás, num recente evento que ajudei a organizar, trouxe pessoas de vários pontos do país para cá e não houve um só, dentre todos, que não manifestasse espanto pelos preços praticados pelas companhias que fazem atendimento direto ou por escala em nossa cidade.
Será que não percebem que o movimento seria muito maior se as condições fossem melhores?  Um pouquinho só já ajudaria.
Entendo que não seja um grande problema já que são poucas as pessoas que se utilizam dos aviões como meio de transporte.  Mas o motivo já é este.  Então que algum deputado possa pensar um pouquinho nisso e imaginar que há necessidade de se apurar estes fatos e propor alguma novidade.
Tenho ouvido falar em mais uma empresa atuando na cidade a partir de março.  Espero mesmo seja verdade e não aconteça como ocorreu com a Gol que teve que deixar Rio Preto por pressão de concorrentes.

Cidade que não se renova

A Cidade de Rio Preto, meu local de nascimento, parece que em matéria de política tem um daqueles carmas que necessitam de muitas vidas para ser erradicado de seu círculo das encarnações.  Não é por acaso que inicio essa crítica comparando a história política da cidade com espiritismo ou assuntos ligados ao além.  As administrações se sucedem mas as secretarias apenas se revezam entre velhos fantasmas, mostrando que, aparentemente, não existem outras competências, jovens lideranças capazes de tocar o bonde.  São sempre os mesmos e fazendo as mesmas coisas.  Há cidades crescendo, se oxigenando... mas aqui, não.  Esperemos que em 2012, alguém capaz de romper com a falta de coragem dos mandatários crie coisas novas.
A impressão que tenho é que, depois que Manoel Antunes inovou em 1982, o resto foram tentativas de copiá-lo e nada mais.  Em todas as administrações que se seguiram, mudou-se uma ou outra peça e nada mais.  Até ele, com certeza, mudaria tudo se estivesse aqui... É o que penso.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Na casa da vovó, tudo pode...

Não sei se alguém já viu em lojas de 1,99 aquelas plaquinhas de jardim ou para serem afixadas em churrasqueiras.  Costumam ser engraçadas e interessantes.  Há uma, inclusive em casa de minha mãe, que afirma: "Na casa da vovó, tudo pode".
Se eu pudesse, faria uma plaquinha parecida para afixar em prefeituras de cidade pequena.  Eu afirmaria assim: "Na administração pública das pequenas cidades, tudo pode".
Onde eu achei fundamentos para isso?  Parentes do prefeito e vereadores são garantidos em cargos de confiança, imóveis de parentes de prefeitos e vereadores são locados para a própria prefeitura, podemos soltar uma conta e reavê-la dias depois e por aí vai.
Será falta de fiscais competentes?  Será que a Câmara Municipal não tem um só edil capaz de enfrentar e cumprir o seu "único" papel, qual seja o de fiscalizador do Executivo?
Ou será que não existe nenhum partido de oposição organizado na cidade capaz de levantar as lebres na imprensa, nas rodinhas e 'botecos' da cidade?

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

Noticias da terrinha e outras da terrona.

Basta chover para que a gente veja como anda o tradicional problema de inundações em Rio Preto.  Entra administrações e saem administrações e nada... Além disso, vi hoje o poder das águas e o tamanho das ditas "bocas de lobo".  Se uma criança é arrastada ali, nunca mais é encontrada... Credo.

Saiu na imprensa: O Prefeito Valdomiro Lopes ajuda seus apoiadores (vereadores da base governista) com verbas... e vira festa... até para igrejas houve doações de dinheiro público... Tenha dó, hein?

E o velho caso do concurso de Guapiaçu?  Alguém falou mais alguma coisa sobre isso?

Tem coisa mais depressiva que desmontar os enfeites de Natal e guardar numa velha caixa para só tirar no ano que vem... É um problema que carrego desde criança.  E o pior é que insisto em repeti-lo ano após ano.

Paulo Coelho teve seus livros proibidos no Irã... Críticas a sua qualidade literária a parte, censura sempre será censura e isso não é nada bom.

Eu poderia dizer: Acabe ou não, a novela da Globo, pra mim tanto faz... Mas não é verdade... Sempre que alguma novela começa a se encaminhar para o final, ela produz algum efeito sobre os grupos e quando se vê, lá estamos dando algum palpite sobre este ou aquele personagem... Rapaz... Que coisa!  E recomeça o Big Brother...

E Ronaldinho não foi para o Palmeiras... Ufa...

domingo, 2 de janeiro de 2011

Esquerda

Hoje assisti, em casa de meus pais, o mais novo filme do cineasta Michel Moore.  Capitalismo, uma história de amor.  Vale à pena. 
Como disse um amigo que estava presente, são coisas que já sabemos, mas não custa avivar a consciência de vez em quando.
Preciso divulgar isso.  São informações fortes e necessárias para a verdadeira "nova ordem mundial" que está um tanto quanto evidente.
Já no sábado, alguns amigos da esquerda riopretense (PSTU e PCB) estiveram em casa e pudemos discutir com grande qualidade algumas questões sobre os movimentos comunistas e sua atuação diante da nova realidade brasileira "Dilma presidenta".
E falando em Dilma, diante do machismo de homens e mulheres (ouvi alguns comentários deploráveis) e  sob a "dor de cotovelo" de alguns tucanos frustrados, tomou posse a primeira "presidenta" do Brasil.
Mesmo em meio a este fato hístórico, fica o destaque de Lula sendo ovacionado (será que algum outro presidente saiu do poder tão aclamado"?) e depois sendo calorosamente recebido em sua "antiga casa".
Com o PT no poder, muitos movimentos sociais continuam respaldados e as esquerdas podem estar próximas a eles para que o processo de conscientização não pare, mas pelo contrário, se fortaleça.

As peripécias de Baía - Remanescências de Carlos Alberto Gomes (Gomes de Castro)

As peripécias de Baía.                 "É desnecessário que se diga o porquê do apelido desse rapaz. Muito pouco crédito se de...